Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

Servidores p?blicos fazem marcha por melhores sal?rios e condi??es de trabalho



22/06/2005
Bras?lia - Servidores de 31 ?rg?os p?blicos federais fizeram, nesta quarta-feira (22), uma marcha pela Esplanada dos Minist?rios para reivindicar melhores sal?rios e condi??es de trabalho. Concentrados em frente ? Catedral seguiram para o Pal?cio do Planalto e para o Minist?rio da Justi?a, onde far?o ato p?blico pela ?tica e contra a corrup??o.

Segundo o diretor da Confedera??o dos Trabalhadores no Servi?o P?blico Federal (Condsef), S?rgio Ronaldo da Silva, 75% do funcionalismo aderiram ? greve, que hoje completa 20 dias. Ele disse que se o governo n?o negociar, os servidores continuar?o em greve. "N?s esperamos que o governo tenha entendido o recado e que essa resist?ncia dos servidores n?o vai acabar enquanto n?o tiver uma resposta ?s nossas pautas de reivindica??es", acrescentou.

Representantes das categorias paralisadas ter?o, ainda hoje, reuni?o com o ministro da Previd?ncia Social, Romero Juc?. Os trabalhadores pedem recomposi??o salarial de 18% pelas perdas sofridas desde 1995, um plano de carreira para as categorias, paridade entre ativos, aposentados e pensionistas, incorpora??o das gratifica??es ao sal?rio e a realiza??o de concursos p?blicos.







Fonte : Ag?ncia Brasil - 22/06/2005



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 574 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)