Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

CE: médicos convocam assembleia para decidir sobre paralisação



29/03/2010
O Sindicato dos Médicos do Ceará decidiu convocar para a próxima terça-feira (30), uma assembleia especial com o objetivo de discutir a possível paralisação da categoria e a proposta do Plano de Cargos, Carreiras e Salários, que vem se arrastando desde março de 2009.

Os médicos estão insatisfeitos com o andamento das negociações e com o valor do vencimento base proposto pela prefeitura de Maracanaú: salário bruto de R$ 3.600,00, incluindo todas as gratificações. Eles consideraram que esse valor não atende aos anseios da categoria, que vem sofrendo há muitos anos com salários defasados.

Hoje, um médico do hospital municipal de Maracanaú recebe, por 20 horas de trabalho semanal, um salário bruto em torno de R$ 2.200,00, já com as gratificações. Por causa da baixa remuneração, muitos médicos já cogitam em pedir demissão, caso o problema não seja resolvido.

Proposta

De acordo com orientação da Federação Nacional dos Médicos as negociações salariais devem ser feitas de acordo com o piso nacional da categoria, que é de R$ 8.539,00. No entanto, os médicos entendem que a prefeitura não pode pagar esse valor, e aceitam negociar. Segundo informação do presidente do SIMEC, José Maria Pontes, a contraproposta apresentada pelos médicos e que não foi aceita pela prefeitura, prevê o valor do Vencimento Base (VB) do nível 1, por exemplo, com o profissional tendo apenas especialização, de R$ 3.000,00. Com o acréscimo das gratificações de Titulação Acadêmica (GTA), de Plantão (GP), e de Insalubridade (INS), o vencimento base bruto passa para R$ 5.100,00. Com os descontos da previdência e de imposto de renda, o total líquido fica em R$ 3.983,55, interstício de 3% entre uma referência e outra e 12 níveis.

O plano prevê ainda progressão por tempo de serviço, promoção por capacitação e carga horária reduzida para os plantões aos finais de semana (jornada contada em dobro), além de acréscimo de 5% sobre o vencimento base para o plantão noturno. Por fim, a contraproposta prevê que todas as vantagens do PCCS dos médicos (VB e gratificações) serão retroativas a janeiro de 2010.
Fonte : Assessoria de Imprensa do SIMEC



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 863 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)