Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

SIMERS e Vida Urgente lançam campanha para educar pais sobre uso da cadeirinha



13/09/2010
A Fundação Thiago de Moraes Gonzaga e o Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (SIMERS) juntaram forças para aumentar a proteção de bebês e crianças no trânsito. As duas entidades lançam nesta segunda-feira, 13, às 14h30, na sede do SIMERS (Rua Corte Real, 975 – no 3º andar), em Porto Alegre, a campanha "Cadeirinha: a segurança do seu filho está em suas mãos". A iniciativa incentivará o comportamento seguro e instruirá os pais de que a melhor atitude é a segurança da cadeirinha ou outros instrumentos de retenção equivalentes.

A ação também se estenderá aos profissionais de maternidades públicas e privadas, além de unidades de saúde, para que sejam verdadeiros "veículos" da conscientização dos motoristas. Pesquisas comprovam que o uso dos equipamentos reduz em mais de 70% dos riscos de traumas em acidentes, que são a maior causa de mortes de crianças até 14 anos. No lançamento, que terá presença de representantes da categoria médica e hospitais, serão apresentadas as atividades da campanha. Públicos de todas as faixas de renda serão atingidos pela ação.

Segundo a presidente da Fundação, Diza Gonzaga, a campanha dará um passo além do simples cumprimento da legislação de trânsito que impõe o uso da cadeirinha e já em vigor. "Vamos passar a mensagem de valorização e cuidado da vida num momento em que os pais se preparam para receber seu presente mais especial: os filhos". A secretária-geral do SIMERS e pediatra, Ana Maria Martins, ressalta que a meta é mostrar que a saúde também envolve a segurança dentro dos veículos. "Uma criança só será saudável completamente se ela estiver protegida adequadamente no deslocamento da maternidade até sua casa", orienta Ana Maria.

As duas entidades vão alertar que o transporte dos filhos no carro é tão importante quanto a velocidade do veículo e as condições de ruas, avenidas e estradas. Dados recentes da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (Pnad), do IBGE, reforçam a preocupação com a formação dos pais: hoje uma em cada duas famílias tem carro, e a frota de veículos em circulação no Estado cresceu mais de 30% entre 2007 e 2010. São 5 milhões de automóveis no trânsito. A inserção das classes C e D no mundo do consumo, tornando mais viável a compra do primeiro carro, ajudou a turbinar a frota.
Fonte : Simers



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 892 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)