Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

CE: cirurgiões da Santa Casa aguardam posicionamento da Prefeitura



21/09/2010
Os médicos cirurgiões da Santa Casa de Misericórdia de Fortaleza (CE), vão aguardar até a quinta-feira (23.09), um posicionamento da Prefeitura de Fortaleza sobre o repasse de recursos para aquela unidade de saúde. Se até lá o município não resolver o problema, a greve será realizada a partir da sexta-feira. A decisão foi tomada na noite da última segunda-feira (20), durante assembleia geral da categoria, realizada na sede do Sindicato dos Médicos do Estado do Ceará, contando com a presença do Provedor da Santa Casa, Luis Marques.

Os cirurgiões protestam contra a Prefeitura de Fortaleza que não vem cumprindo acordo firmado com o Governo do Estado do Ceará, Sindicato dos Médicos, Conselho Regional de Medicina e Ministério Público, durante reunião com a Promotora de Justiça de Defesa da Saúde Pública, Isabel Porto, realizada no dia 18 de maio de 2010.

Na ocasião, ficou acordado que a secretaria de Saúde do Estado e a secretaria de Saúde do Município disponibilizariam, cada uma, R$ 40 mil por mês para a Santa Casa de Misericórdia. Com esses recursos, o valor pago pelo SUS para cada procedimento cirúrgico seria aumentado em 100%. No entanto, os médicos continuam sem aumento, porque a prefeitura de Fortaleza, ao contrario do governo do Estado, não cumpriu com sua palavra e não repassou os recursos previstos para os meses de junho e julho.

Durante a assembléia, por telefone, o presidente do SIMEC, José Maria Pontes, falou como o Coordenador de Política de Saúde da Secretaria de Saúde do Município, que garantiu que o acordo assinado está mantido e que logo que o novo contrato da Prefeitura com a Santa Casa seja assinado, o dinheiro será repassado. Como isso ainda pode demorar, o Provedor Luis Marques disse que, se a prefeitura enviasse um documento se comprometendo a diluir no novo contrato a dívida de R$ 80 mil, relativo aos dois meses de atraso, ele adiantaria o pagamento dos cirurgiões.

A assembleia dos cirurgiões decidiu então, dar mais essa oportunidade a prefeitura de Fortaleza, prometendo aguardar esse documento somente até quinta-feira. Caso contrario, a paralisação será mantida.
Fonte : SIMEC



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 974 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)