Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

Audiência pública denuncia sucateamento da saúde em Natal



10/03/2011
Uma audiência pública realizada na Câmara Municipal de Natal/RN, com casa cheia e ânimos exaltados, debateu, no último dia 2, a atual situação em que se encontra a saúde pública do município. Representantes de movimentos populares, sindicalistas, promotoria pública e de setores da saúde participaram da audiência.

A presidente do Conselho Regional de Enfermagem, COREN - RN, Alzirene Nunes, apresentou um relatório elaborado por profissionais de enfermagem, no qual é feito um diagnóstico da saúde de Natal. Além do COREN, o Conselho Municipal da Saúde (CMS) apresentou um vídeo, com oito minutos de duração, mostrando como se encontram as unidades de saúde do município.

Um dos casos apontados no vídeo relata o fato de pessoas estarem reutilizando seringas para aplicação de insulina, uma vez que as unidades não disponibilizam esse material, além de evidenciar o que foi dito por todos os que presenciaram a audiência, mostrando equipamentos amontoados, enferrujados e quebrados. "Esse vídeo não foi feito com os milhões de reais da propaganda das Ame's, mas mostra a verdadeira estrutura das unidades", disse Silvana Barros, membro da CMS.

O Secretário de Saúde de Natal, Thiago Trindade, reconheceu alguns desses problemas, mas se ateve a falar apenas dos ilusórios benefícios que os Ambulatórios Médicos Especializados (AME) podem proporcionar ao restrito público beneficiado com esse atendimento (hoje funcionam apenas três Ames em toda a cidade).

A promotora pública, Elaine Cardoso, relatou que foi constatado pela promotoria que grande parte das unidades de saúde hoje não tem condições de funcionamento e exigiu uma resposta resolutiva da Secretaria de Saúde para a solução dos problemas. "Hoje vemos muitos problemas na saúde do município, mas trabalhamos em conjunto para resolução deles. Nosso papel sempre será de verificar a atuação da Secretaria de Saúde e apontar alternativas", declarou a promotora.

Para Geraldo Ferreira, presidente do Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Norte, apesar de não sair nada resolutivo da audiência, a impressão é muito otimista. "As sugestões levantadas na audiência devem ajudar a prefeitura a fazer uma reflexão e melhorar as condições gerais da saúde", disse ele.

Assembleia geral dos médicos de Natal

Diante da situação apresentada durante a audiência pública e as diversas demandas enfrentadas pela saúde municipal, ficou definido que no dia 29 de março, as 19h, na sede do Sinmed, acontecerá assembleia geral com os médicos de Natal. Na pauta, a implantação do Plano de Carreira, Cargos e Vencimentos (PCC), as condições de trabalho e o ponto eletrônico.

Fonte : Sinmed/RN, com edição de Imprensa/FENAM



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 1079 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)