Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

RS: sindicato começa encontros sobre saúde com parlamentares



28/03/2011
A direção do Sindicato Médico do RS (SIMERS) começa nesta segunda (28) uma série de encontros com parlamentares federais para intensificar a busca por medidas a serem aprovadas no Congresso Nacional e com forte peso na assistência em saúde e no trabalho médico. A intenção é de se reunir com todos os deputados e senadores da bancada gaúcha, além de parlamentares de outros estados que priorizem a área.

O dia começa com um café da manhã com o deputado Vieira da Cunha (PDT). Ao meio-dia, o encontro será com os deputados do Rio Grande do Sul Assis Melo (PC do B) e Luiz Noé (PSB) e Mauro Nazif (PSB-RO). Será a primeira vez que a entidade promove a iniciativa com este perfil e na largada de uma nova Legislatura. O Sindicato mantém permanente interlocução com a bancada para pautar e buscar apoio a demandas médicas e da sociedade.

O presidente do SIMERS, Paulo de Argollo Mendes, aponta como propostas em tramitação no Congresso e que têm impacto decisivo para o SUS e para a valorização da categoria: a regulamentação da Emenda 29 (que define os recursos mínimos a serem aplicados no SUS pelos governos federal e estadual), o piso médico nacional e o Projeto de Lei do Ato Médico.
Fonte : Simers



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 848 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)