Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar




Palavras-chave

FIEM: regulamentação da medicina universal depende que todos cumpram suas obrigações


Foto: site do FIEM
FIEM: regulamentação da medicina universal depende que todos cumpram suas obrigações
Participantes do FIEM elaboram o manifesto redigido durante o evento


03/06/2011
A Federação Nacional dos Médicos, através de seu presidente, Cid Carvalhaes, do II vice-presidente, Eduardo Santana, e do secretário geral, Mario Antonio Ferrari, participou na cidade de Cordoba, na Espanha, do IV Forum Ibero Americano de Entidades Médicas. O evento foi organizado pelo Conselho Geral das Faculdades de Medicina e do Colégio de Médicos de Córdoba, com a participação da Ordem dos Médicos de Portugal e Confederação Médica da América Latina e do Caribe (CONFEMEL).


O IV Fórum Iberoamericano de Entidades Médicas foi considerado pelos organizadores como a oportunidade ideal para que todos os países membros compartilhassem experiências em temas que envolvem os direitos dos cidadãos e o compromisso profissional e ético dos médicos.

No evento, realizado de 1 a 3 de junho, defendeu-se a regulamentação da medicina universal, que depende de todos os profissionais cumprirem suas obrigações. Assim, o licenciamento universal foi o tema principal do manifesto emitido no primeiro dia da IV Reunião do Fórum, com as delegações de organismos profissionais de Espanha, Portugal e países da América Latina.

"É evidente que se trata de um interesse público, neste caso, a saúde. O entendimento é de que a transposição de uma diretiva relacionada aos serviços da União Européia não pode servir de pretexto para desregulamentar a profissão médica, que é uma garantia total que a prática profissional está sendo feita com os critérios de competência, qualidade e segurança".

Como alertou a OMC, "seria um erro tentar desregulamentar a profissão, como parece pretender algunas setores da administração central. A única maneira de controlar, regular e fiscalizar as obrigações éticas e profissionais é que essas obrigações sejam aplicadas a todos os profissionais. A única possibilidade de regulação universal é que todos cumpram os mesmos requisitos".

Fonte : Imprensa FENAM, com informações do IV FIEM



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 1011 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)