Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

RJ: médicos também poderão suspender atendimentos aos planos de saúde



18/07/2011
Em assembleia geral realizada na última quinta-feira, 14, na sede do CREMERJ, os médicos decidiram apontar a Dix, a Medial e a SulAmérica para possível suspensão de atendimento por guias, a ser aprovada em próxima assembleia, caso essas operadoras não atendam às reivindicações: reajuste de 11% e valor mínimo de R$ 50 para consultas.

Nas negociações com o CREMERJ, a Somerj, a Central Médica de Convênios, a Sociedade de Medicina e Cirurgia do Rio de Janeiro e as Sociedades de Especialidade, a DIX apresentou a proposta de R$ 45,20 e a Medial, de R$ 48 para consultas, valores inferiores ao mínimo reivindicado. Já a SulAmérica não propôs nenhum aumento para os procedimentos.

Durante a assembleia, a Presidente e Coordenadora da Comissão de Saúde Suplementar (Comssu) do CREMERJ, Márcia Rosa de Araujo, relatou as negociações feitas com os planos de saúde, observando que as operadoras já equipararam os valores dos planos individuais e coletivos. A Bradesco Saúde e a SulAmérica, somente nas consultas.

Os médicos consideraram insuficientes as propostas das operadoras para procedimentos e aprovaram acrescentar às reivindicações a negociação dos valores pagos por métodos diagnósticos (SADT) feitos por pessoas físicas e jurídicas de pequenas empresas.
Fonte : Cremerj



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 589 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)