Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

Médicos do Acre aprovam contraproposta do Governo com reajuste salarial de 20%


Foto: Sindmed/AC
Médicos do Acre aprovam contraproposta do Governo com reajuste salarial de 20%
“O Sindmed coloca-se a disposição da equipe do Governo, quantas vezes forem necessárias, para encontrarmos pontos de convergências que venham solucionar problemas da saúde pública do Estado do Acre,” destacou o presidente do Sindicato.


01/08/2011
O sindicato dos médicos do Acre (Sindmed/AC) aprovou na última terça-feira (26) a contraproposta apresentada pelo Governo do Estado que prometeu antecipar várias reivindicações dos trabalhadores, entre elas o reajuste salarial de 20%.

Durante a assembleia também foram apresentados o compromisso do Estado realizar concurso público estatutário para a contratação de mais médicos no primeiro semestre de 2013, o pagamento de gratificação por titulação de especialidade e a reestruturação do Plano de Cargo, Carreira e Vencimentos (PCCV).

Além disso, a proposta prevê que os reajustes dos valores dos plantões e do sobreaviso sejam estudados por um grupo de trabalho que deverá apresentar os resultados em 90 dias. E que médicos do interior tenham o mesmo valor do plantão que os profissionais que trabalhem na capital.
O Sindmed indicará os representantes médicos e de outras áreas de formação para integrar os grupos de trabalhos constituídos pelo Governo, para que possam estudar as limitações de ambas as partes e consensualmente acordarem sobre as proposta finais.

Em nota, o presidente do Sindicato, José Ribamar Costa, registrou a importância do diálogo entre o Sindicato e o Governo pelos interesses da população acreana e para que os médicos possam prestar serviços com mais qualidade.

“O Sindmed coloca-se a disposição da equipe do Governo, quantas vezes forem necessárias, para encontrarmos pontos de convergências que venham solucionar problemas da saúde pública do Estado do Acre,” destacou o presidente.

Confira todas as propostas apresentadas pelo Governo:

1.Concurso público estatutário para o primeiro semestre de 2013.

2. Pagamento de gratificação por titulação de especialidade forma imediata.

3. Formação de grupo de trabalho a partir da segunda quinzena de agosto com término na segunda quinzena de outubro, ou seja, 60 dias para a fixação das regras e novos valores da interiorização.

4. A reestruturação do Plano de Cargo, Carreira e Remuneração (PCCR) que será estudada nos primeiros seis meses de 2012.

5. Abertura de licitação imediata para a contratação de empresa que fará o estudo necessário para fixar os valores e os níveis de insalubridade.

6. Novos valores para a gratificação de preceptoria (supervisão prática e teórica dada aos médicos residentes) serão pagos a partir de novembro.

7. O reajuste dos valores dos plantões e do sobreaviso serão estudados por um grupo de trabalho que deverá apresentar os resultados em 90 dias.

8. O interior terá o mesmo valor do plantão que o praticado na capital.

9. Para os médicos com 30 horas de trabalho, o governo Estadual ofertará o pagamento da previdência das 10 horas extras que passarão a contar para a aposentadoria. Para o início do desconto previdenciário, falta apenas o parecer da Procuradoria Geral do Estado.
Fonte : Taciana Giesel, com informações do Sindmed/AC



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 871 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)