Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

Reunião da MNNP-SUS é suspensa por falta de acordo


Foto: Sasers
Reunião da MNNP-SUS é suspensa por falta de acordo
O diretor de relações trabalhistas da FENAM, Tarcísio Campos, representou a entidade na ocasião.


11/11/2011
A reunião ordinária da Mesa Nacional de Negociação Permanente (MNNP) do Sistema Único de Saúde (SUS), prevista para os dias 9 e 10 de novembro, foi suspensa por falta de acordo entre a bancada sindical e os representantes do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (CONASEMS) e Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS).

Ainda durante os informes, os trabalhadores foram comunicados que o CONASEMS solicitou que a Comissão Intergestores Tripartite (CTI) do Conselho apreciasse o Protocolo de Saúde do Trabalhador, debatido entre os representantes da mesa por mais de um ano e previsto para ser assinado durante a ocasião.

"O fato causou indignação e surpresa a todos que compõem a bancada dos trabalhadores. É, no mínimo, uma quebra na relação de confiança, já que esse projeto foi discutido e analisado por mais de 15 meses. Não tem sentido o CONASEMS questionar algum ponto", destacou o diretor de Relações Trabalhistas da FENAM, Tarcísio Campos, que representou a entidade na ocasião.

Com a notícia, a reunião foi suspensa por quinze minutos e após uma reunião de emergência convocada pela bancada sindical, foi decido suspender o encontro até o dia seguinte. Na manhã do dia 10, o representante do Conselho reviu sua posição. Entretanto, o CONASS discordou da decisão.

Para evitar mais confrontos, a bancada dos trabalhadores decidiu solicitar uma reunião com o Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, até o dia 22 próximo, antes que o encontro da CIT ocorra.

A bancada sindical definiu, ainda, que o regimento interno da MNNP-SUS não deve impedir a entrada de novos representantes dos trabalhadores, desde que eles estejam dentro dos critérios já estabelecidos. O representante da FENAM também propôs que nenhum representante atual possa ser retirado da Mesa, ponto aprovado por unanimidade pela bancada dos trabalhadores. O regimento, no entanto, não foi discutido, devido ao impasse gerado.
Fonte : Taciana Giesel



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 1000 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)