Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

SinMed-MS viaja pelo interior para fortalecer ações em prol da categoria



20/12/2011
Para saber como estão as condições de trabalho dos médicos das cidades do interior, a diretoria do SinMed-MS se reuniu com os colegas de: Dourados, Ponta Porã, Três Lagoas, Paranaíba e São Gabriel nos últimos meses e ouviu as queixas dos profissionais que atuam pelo sistema público e particular. A falta de médicos e a precariedade das condições de trabalho foram as principais reclamações da categoria.

Ao avaliar a situação das cidades visitadas, o presidente do SinMed-MS, Marco Antônio Leite, diz que o descaso das autoridades competentes gera um efeito dominó, deixando profissionais e a população insatisfeita. "Se houvesse melhor gestão do dinheiro público haveria mais médicos trabalhando, profissionais mais satisfeitos, maior qualidade no atendimento e consequentemente sociedade melhor assistida, mas infelizmente a realidade é muito diferente disso", relata.

Ele explica que a entidade tem lutado de forma incansável para resgatar a valorização e o respeito devido ao médico. "Temos nos organizado de forma incessante para protestar por melhores condições de trabalho, salários dignos e respeito ao profissional e à população, e não vamos parar até atingirmos o resultado esperado. Por isso, vamos apoiar nossos colegas que atuam no interior do Estado e geograficamente estão distantes de nós, mas mantém próximas as convicções ideológicas e vontade de mudar o cenário atual da saúde", esclarece.

Marco acrescenta também que a assessoria jurídica do sindicato está respaldada por advogados competentes e dispostos a defender até o fim o direito do médico. "Vamos tomar as providências necessárias para não acontecer absurdos como no caso de Ponta Porã, em que os médicos trabalham sem qualquer tipo de vínculo empregatício. Isso não pode acontecer, a categoria vai lutar para que esta situação seja revertida e que outras ações que prejudiquem os médicos não continuem acontecendo", finaliza Marco.
Fonte : SinMed-MS



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 895 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)