Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

PE: novo prazo de negociação termina na próxima quarta-feira (01) em Abreu e Lima



25/01/2012
Apesar da sinalização positiva e da retomada de negociação com os gestores municipais, os médicos vinculados à Prefeitura de Abreu e Lima aguardam uma resposta definitiva à Pauta de Reivindicações até a quarta-feira (01). A decisão da categoria foi tomada em Assembleia Geral, nesta segunda-feira (23) na sede do Simepe.

O presidente do Sindicato dos Médicos, Silvio Rodrigues, já solicitou uma reunião em caráter de urgência com o prefeito Flávio Gadelha, para tratar sobre os problemas enfrentados pelos médicos da Maternidade e Hospital de Abreu e Lima (HMAL). Hoje, devido à precarização dos vínculos, a baixa remuneração e a falta de condições de trabalho, há carência de anestesistas, obstetras e neonatologistas naquela unidade de saúde. A situação parece insustentável uma vez que as cartas de exoneração foram entregues ao Simepe há 15 dias.

Os médicos de Abreu e Lima reivindicam uma política de valorização profissional , com proposta de escalonamento, incorporação da gratificação de evolução no salário-base em janeiro; Plano de Cargos, Carreira e Vencimentos (PCCV) e Regime Jurídico Único no ano de 2012.
Fonte : SIMEPE



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 858 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)