Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

RS: prefeito de Frederico Westphalen apoia proposta de carreira de Estado



01/06/2012
Na úlitma quarta-feira (30), o Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (SIMERS)entregou ao prefeito de Frederico Westphalen, José Antônio Panosso, projetos de lei que separam o médico das demais categorias da saúde e implementam plano de carreira específico para os profissionais, com possibilidade de contratação por metas. Outra proposta entregue a ele pelo presidente do SIMERS, Paulo de Argollo Mendes, foi a de criação da carreira de Estado, semelhante à de promotores e juízes, cujo objetivo é promover a interiorização do médico mediante a perspectiva de progressão com o passar do tempo. A iniciativa recebeu elogios e promessa de apoio.

"Achei a ideia muito boa, com certeza serei um trabalhador nesse sentido", afirmou Panosso, cogitando chamar o SIMERS para conversar com os prefeitos na próxima assembleia da Associação dos Municípios da Zona da Produção (Amzop). "O profissional quer qualidade de vida, é difícil levá-lo para cidades pequenas". Argollo também defendeu a separação da carreira médica das demais outras na saúde. "É preciso contemplar especificidades de nossa área, como a carga horária de formação". O prefeito concordou. "O médico deve receber salário diferenciado". O sindicalista, acompanhado do delegado regional Milton Luiz da Rocha, ressaltou a necessidade de, num segundo momento, haver plano de cargo, carreira e vencimentos para a categoria. "O colega não entrar ganhando X e se aposentar ganhando X", justificou.

"Sabemos que este não é um momento de grandes mexidas, mas deixamos a ideia, apontamos possibilidades", disse Argollo. "O Estado têm 80 municípios sem nenhum médico, enquanto que a Capital conta com sete vezes mais do que deveria. Municipalizaram a despesa, e a receita não. O elástico chega agora ao limite do estiramento", argumentou. Frederico Westphalen investe 19,8% de suas receitas na saúde. O governo gaúcho, cerca de 6%, metade do devido (segundo a Emenda Constitucional 29).
Fonte : SIMERS



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 650 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)