Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

PE: entidades médicas conversam com candidato à prefeito



15/08/2012
O candidato à Prefeitura do Recife, Humberto Costa (PT), esteve na manhã desta segunda-feira (13), no Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe). A visita teve como objetivo ouvir das entidades médicas do Estado – Cremepe, Sindicato dos Médicos e Associação Médica – os principais problemas enfrentados na saúde pública do município e as possíveis soluções. Humberto Costa foi o segundo candidato a visitar a entidade. No último dia , o Conselho recebeu o candidato Geraldo Júlio, do PSB.

"Nós estamos aptos a dar continuidade ao trabalho iniciado em 2001", disse Humberto. Ele apontou as conquistas alcançadas pela Prefeitura nas gestões em que participou e prometeu, se eleito prefeito, dar mais atenção à rede básica de saúde e ao Programa Saúde da Família (PSF); ampliar o programa Farmácia da Família, com entrega de medicamentos em casa; fortalecer o atendimento domiciliar com sistema de "Home Care", entre outros. "Nós temos uma proposição e sabemos como fazer, pois conhecemos como funciona a rede", garantiu Humberto.

"Nós, como instituição, vivemos o dia a dia da saúde no município e sabemos de todos os problemas enfrentados, tanto pela população, quanto pelos médicos", disse a presidente do Cremepe, Helena Carneiro Leão. Um dos problemas destacados por ela foi a questão da assistência materno-infantil. Já o presidente do Sindicato dos Médicos de Pernambuco, Mário Jorge Lobo, questionou o posicionamento do candidato sobre três temas: a valorização do profissional; a administração de hospitais públicos por Organizações Sociais (OSs) e a postura em relação à abertura indiscriminada de novas escolas médicas.

A presidente da Associação Médica de Pernambuco (Ampe), Silvia da Costa Carvalho, destacou a dificuldade que a população tem para marcar uma consulta com o médico especialista. "A vida do paciente não melhorou nesse sentido. A política de encaminhamento continua ruim e a rotina de marcação é a mesma", apontou. Para ela, o novo prefeito precisa ter a atenção voltada também para a saúde mental e preventiva. "Não vemos ações efetivas em relação à questão sanitária", afirmou.

Já a presidente da Associação Pernambucana de Medicina da Família e Comunidade (APEMFC), Verônica Cisneiros, definiu como os "angustiados da saúde" os médicos que trabalham nos PSFs. Na opinião dela, a rede é fragmentada e há um entrave na questão da estrutura física da atenção básica. Em sua fala, a presidente do Cremepe, Helena Carneiro Leão, aproveitou para frisar que o Cremepe está aberto a todos os candidatos que tenham interesse em visitar. "O Conselho não é uma casa política, nem de partido", salientou.

Além de Humberto Costa (PT), o candidato pelo PSB, Geraldo Júlio, também esteve reunido com os representantes da classe, no mês passado (julho). As Entidades Médicas continuarão com o canal de diálogo aberto para os demais candidatos que tenham interessem em ouvir as sugestões da categoria.
Fonte : Cremepe



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 708 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)