Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar




Palavras-chave

Presidente da FENAM faz um balanço dos últimos acontecimentos da semana


Foto: Imprensa Fenam
Presidente da FENAM faz um balanço dos últimos acontecimentos da semana
Dr. Geraldo Ferreira também é presidente Sinmed RN


30/01/2013
Não, não é brincadeira. O Dr. Marcondes Diógenes, que foi interventor da Marca em Natal, e conseguiu economizar em um mês cerca de 1,1 milhão do valor que era repassado pela prefeitura para o custeio mensal de Upas e Ames da prefeitura, foi convidado para ser diretor do Walfredo Gurgel. Não é que eu duvide da competência administrativa do Dr. Marcondes, sobejamente demonstrada no período da intervenção, inclusive pagando todos os direitos trabalhistas dos médicos, ao final do contrato.

Mas quando eu vi a manchete do JH da quinta feira passada, dando conta de desvios de 8,4 milhões em Mossoró, pensei logo que a justiça agilmente convocaria o Dr. Marcondes para a missão cívica de fechar as torneiras do Hospital da Mulher na progressista cidade oestana. O governo estadual, numa antecipação espetacular, pegou o paladino e o ocupou na gestão do Walfredo Gurgel, deixando livre a empresa em Mossoró, contemplada com um contrato que recebeu aditivos financeiros após a saída da Marca. E agora a gente fica sem saber quando o Ministério Público e a Justiça vão arranjar uma pessoa que possa fazer o que tão bem fez Marcondes em Natal, economizando para os cofres públicos quase 40% de sobrepreço dos contratos terceirizados da saúde.

Se eu fosse da justiça, já que o Homem tomou gosto na coisa de administrar unidades de saúde, eu pediria para ele se guardar um pouco, um pouquinho mais, pois ele poderia realizar um belo trabalho no Hospital da Mulher. Mas enfim, fico eu aqui imaginando investigações do bravo Ministério Público, que nem sei se estão ocorrendo, intervenções salvadoras do interesse público e punições exemplares. E o Prefeito Carlos Eduardo subiu a rampa para discutir saúde, ou pedir ajuda, ou firmar parceria, sei lá, com a Governadora do Estado. Começou mal o Prefeito, que desancou a governadora na campanha, rejeitou qualquer apoio de seu grupo e venceu o pleito. Tomar lições com a governadora sobre a saúde é suicídio político e administrativo.

Se o contágio atingir o Prefeito e o diagnóstico da gestora de que os médicos são os vilões da estória se insinuar nas conjecturas de Carlos Eduardo, será a mais extraordinária reviravolta, já que não faz cinco meses que o então candidato, em visita ao Sinmed, reconheceu as péssimas condições de trabalho e os baixos salários da categoria, prometendo negociações para reverter essa situação. Preciso fazer justiça a Vicente Serejo e elogiar suas notas sobre a crise da saúde e o confronto louco com os médicos, patrocinado pela governadora. Isento, analítico, arguto, sagaz, cirúrgico, no jargão médico, faz um contraponto maravilhoso à mídia, que cevada com milhões do marketing governamental, se nega a enxergar o óbvio. Só os profetas enxergam o óbvio, dizia Nelson Rodrigues em frase lapidar.


Texto publicado na Coluna Sinmed em Ação do dia 27 de janeiro de 2013, no Novo Jornal.
Fonte : Dr. Geraldo Ferreira - Presidente da FENAM



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 970 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)