Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

AC: sindicato encontra problemas na administração da UPA


Foto: Sindmed-AC
AC: sindicato encontra problemas na administração da UPA
O sindicato ainda encontrou infiltrações, goteiras e macas enferrujadas.


14/02/2013
Os representantes do Sindicato dos Médicos do Acre (Sindmed-AC) realizaram uma visita surpresa a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Segundo Distrito na manhã da última sexta-feira (8). No local, foram verificadas a falta de médicos, bioquímicos e técnicos para coletas de sangue.

Com uma demanda de 700 atendimentos por dia, cada médico, por pressão da direção, acaba realizando até 120 consultas por dia, prejudicando a qualidade dos serviços oferecidos e colocando em risco a saúde do cidadão que procura o serviço público.

“O profissional não pode ter sua autonomia ferida, pois em uma consulta precisamos de tempo suficiente para garantir a qualidade no atendimento. Na unidade, isso não ocorre, porque a administração quer obrigar o médico a atender a maior quantidade de pessoas, o que prejudica a qualidade”, falou o presidente do Sindmed, José Ribamar Costa.

Os representantes ainda constataram a falta de leitos suficientes para atender a uma demanda maior de pacientes. Em alguns casos, pacientes que deveriam ser encaminhados para hospitais acabam internados por até cinco dias em um local que deveria existir uma rotatividade a cada 24 horas.

Na UPA, o sindicato ainda constatou que na ala de repouso dos médicos não existe lençóis, em alguns casos, até a falta de colchões com o objetivo de privar os médicos do descanso, aumentando as horas trabalhadas.

O sindicato ainda encontrou infiltrações, goteiras e macas enferrujadas.

“Para atender melhor a população, é preciso melhorias no serviço público e um concurso público efetivo para garantir mais médicos a todos que procuram a UPA”, falou o sindicalista.

No local, profissionais de saúde relataram ainda que em alguns dias chegam a faltar medicamentos básicos como analgésicos e anti-inflamatórios.

A terceira visita organizada pelo Sindmed também será encaminhada ao Ministério Público Estadual (MPE), mostrando que os problemas encontrados podem ser resolvidos com a gestão de recursos públicos.

A entidade ainda arrecadou assinaturas de pacientes e servidores com o objetivo de entrar com um projeto de iniciativa popular reivindicando mais dinheiro para o Serviço Único de Saúde (SUS).
Fonte : Sindmed-AC



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 1009 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)