Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

SP: debate sobre relação entre a imprensa e médicos realizado pelo sindicato reúne mais de 100 pessoas


Foto: Simesp
SP: debate sobre relação entre a imprensa e médicos realizado pelo sindicato reúne mais de 100 pessoas
O encontro contou com debates sobre as políticas de saúde noticiadas na grande imprensa


11/03/2013
Na última sexta-feira, 8 de março, o Sindicato dos Médicos de São Paulo (Simesp) promoveu o debate "Saúde – A imprensa e os médicos". O evento, que teve por objetivo debater as políticas de saúde noticiadas na grande imprensa, reuniu mais de 100 pessoas na sede do sindicato.

Jornalistas, médicos e representantes do poder público discutiram de forma aberta as demandas, gargalos e possibilidades de melhorias do papel da imprensa em relação à saúde.

Durante a abertura do encontro, o presidente do Sindicato dos Médicos de São Paulo (Simesp), Cid Carvalhaes, falou sobre a importância da mídia. "Ela muitas vezes comete excessos e julga, é o tribunal mais fantasticamente ágil que existe, mas essencial para o movimento médico".

Já o deputado estadual Marcos Martins, um dos palestrantes, abordou as pautas mais rentáveis aos veículos de comunicação. "Nem sempre o que dá mais Ibope é de interesse da população. Temos a necessidade de democratizar a comunicação, só o acesso não basta".

Merece destaque a participação da jornalista Izilda Alves, da Jovem Pan, que comentou a relação entre repórteres e assessores de imprensa. Em seu discurso, Izilda enfatizou a importância da assessoria de imprensa para as entidades médicas, ressaltando a importância do bom relacionamento entre médicos, assessores de imprensa e veículos de informação.

Entre os convidados, estiveram presentes: João Ladislau Rosa, Coordenador de Comunicação do Conselho Regional de Medicina de São Paulo (Cremesp); Florisval Meinão, presidente da Associação Paulista de Medicina (APM); Eurípedes Balsanufo de Carvalho, diretor da secretaria de assuntos jurídicos do Simesp, conselheiro do Cremesp e assessor da Secretaria de Saúde da Prefeitura Municipal de São Paulo; Miguel Srougi, professor de Urologia da Faculdade de Medicina da USP e presidente do Conselho do Instituto Criança é Vida; Antonio Carlos da Cruz Júnior, secretário de formação sindical e sindicalização do Simesp; Renato Françoso Filho, conselheiro do Conselho Federal de Medicina (CFM) e diretor de Comunicação da APM; Yussif Ali Mere Júnior, presidente do Sindicato dos Hospitais, Clínicas e Laboratórios (SINDHOSP); Josélia Lima Nunes, 2ª secretária do Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e Rodrigo Almeida Souza, presidente do Sindicato dos Médicos de Rondônia e secretário de Comunicação da Federação Nacional dos Médicos (Fenam).
Fonte : Simesp



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 1388 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)