Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar




Palavras-chave

PA: construção do Hospital Regional do Tapajós em debate


Foto: SINDMEPA
PA: construção do Hospital Regional do Tapajós em debate
A ideia é que todas as secretarias de governo se mobilizem para traçar um plano de ação em torno da promoção de infraestrutura.


18/03/2013
A necessidade de construção do Hospital Regional do Tapajós foi uma das deliberações da reunião extraordinária do Conselho Estadual de Saúde, realizada nesta semana no município de Itaituba. Preocupados com o aumento da demanda de serviços públicos para a região, por conta da construção de hidrelétricas do complexo do Tapajós, em estudo pelo governo Federal, representantes de entidades locais aprovaram a necessidade não só da construção do hospital regional, que vai atender a vários municípios, mas de investimentos gerais em infraestrutura para amenizar os impactos ambientais e sociais, principalmente nas áreas de saúde e educação, provocados pela construção das hidrelétricas.

O projeto em estudo prevê a construção de cinco hidrelétricas na calha do Tapajós (PA), afluente do rio Amazonas, sendo a mais avançada a hidrelétrica de São Luiz do Tapajós. O diretor do Sindmepa, João Gouveia, membro do CES, que participou da reunião, destaca que o Conselho deliberou pela construção o hospital devido à falta de atendimento na alta complexidade na região.

“Toda a demanda de saúde na alta complexidade na região é encaminhada para o hospital regional de Santarém a custo altíssimo”, afirma o diretor. O novo hospital regional, construído em Itaituba, iria atender a demanda dos municípios de Novo Progresso, Trairão, Jacareacanga, Aveiro e Rurópolis. “A preocupação também é em função do aumento da demanda para a região. Para que não aconteça o que aconteceu em Altamira com a construção de Belo Monte”, ressalta.

A ideia é que todas as secretarias de governo se mobilizem para traçar um plano de ação em torno da promoção de infraestrutura em todas as áreas de demandas sociais. Como a construção de hidrelétricas prevê também a abertura de estradas e construção de portos, já é esperado o aumento da migração para a região.

Além da reunião do CES, o diretor do Sindmepa participou ainda de audiência com a prefeita Eliene Nunes de Oliveira, onde foram tratados assuntos relacionados à Atenção Primária e a Urgência e Emergência no município; e coordenou a eleição dos delegados sindicais do Sindmepa em Itaituba, que conta com cerca de 28 médicos em atuação.
Fonte : SINDMEPA



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 979 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)