Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

FENTAS rejeita importação de médicos sem revalidação


Foto: Divulgação/Internet
FENTAS rejeita importação de médicos sem revalidação
Fórum das Entidades Nacionais dos Trabalhadores de Saúde decidiu rejeitar a proposta do governo de importar médicos estrangeiros sem o Revalida.


05/06/2013
O Fórum das Entidades Nacionais dos Trabalhadores de Saúde (FENTAS) decidiu rejeitar a proposta do governo de importar médicos estrangeiros sem a obrigatoriedade da revalidação de diplomas. A discussão sobre o tema, ocorreu na última terça-feira (4), por solicitação das entidades médicas que compõem o grupo.

"Após intenso e profícuo debate foi aprovado rejeitar, por consenso, a importação de médicos sem que estes passem por processo que garanta suas competências e habilidades para o exercício da profissão, bem como dominem o idioma pátrio," comentou o diretor de comunicação da FENAM, Waldir Cardoso, presente na reunião.

Na ocasião, a FENTAS também se posicionou afirmando a necessidade da mudança do modelo de atenção à saúde e o fortalecimento da equipe multiprofissional para garantir a qualidade da assistência prestada no Sistema Único de Saúde (SUS), a necessidade da discussão da posição do CNS sobre o Serviço Civil Obrigatório em Saúde e de profunda avaliação da formação em saúde no Brasil.

Fonte : Taciana Giesel, com informações de Waldir Cardoso



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 936 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)