Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar




Palavras-chave

Lideranças médicas reafirmam calendário de greve


Foto: Fernanda Lisboa
Lideranças médicas reafirmam calendário de greve
Reunião das entidades médicas (FENAM, CFM, AMB e ANMR) realizada em Brasília, seguindo calendário do movimento.


17/07/2013
Seguindo o calendário de greve definido pela Federação Nacional dos Médicos (FENAM) em conjunto com o Conselho Federal de Medicina (CFM) e Associação Médica Brasileira (AMB), lideranças do movimento estiveram reunidas em Brasília nesta quarta-feira (17). O encontro serviu para firmar o calendário de ações nos próximos dias. 23, 30 e 31 de julho serão de manifestação e paralisação nos estados, mantendo apenas os serviços de urgência e emergência. Representantes de vários estados presentes no encontro, deram seus informes e agregaram novas ideias à programação estabelecida.

"A FENAM delibera paralisação tanto do sistema público, quanto do suplementar. É uma luta geral, em nome da medicina e da população brasileiras", ressaltou o presidente da FENAM, Geraldo Ferreira.

Parlamentares compareceram na ocasião, mostrando o seu apoio às causas médicas e principalmente acerca das últimas medidas anunciadas pelo governo federal. A MP 621/2013, a qual institui o Programa Mais Médicos, e os vetos da presidenta Dilma Rousseff à Lei que regulamenta a medicina são os pontos centrais de enfrentamento. Estiveram presentes o senador Paulo Davim (PV/RN) e os deputados Darcísio Perondi (PMDB/RS), Eleuses Paiva (PSD - SP), Lelo Coimbra (PMDB-ES) e Jandira Feghali (PCdoB-RJ). A aliança com o Congresso Nacional tem o objetivo de derrubar a MP e os vetos. Assista na FENAM TV a depoimentos de parlamentares.

Sindicatos de todo o Brasil realizaram assembleias nesta segunda e terça-feira para direcionar o movimento local.Foi criado um Comitê de Crise da Federação para gerenciar as respostas do movimento sindical aos passos do governo. O grupo é formado pelos presidentes da entidade e de todos os sindicatos. O intuito é estar em um relacionamento direto com o médico brasileiro.

Ainda nesta semana, a FENAM convocou duas reuniões na sede da entidade. Nesta quinta, o presidente se reunirá com líderes de grupos médicos nas redes sociais e na sexta, com os advogados e assessores jurídicos dos sindicatos. A finalidade é definir estratégias de luta nos diferentes ambientes.

Após o dia 10 de agosto, quando se finda a programação estabelecida pelo calendário, será realizada uma avaliação das reivindicações da categoria, havendo possibilidade de greve por tempo indeterminado.

Confira ao calendário abaixo:

Julho

Dia 23: Greve e manifestações
Dia 30: Greve
Dia 31: Greve e assembleias estaduais

Agosto
Dia 8: Audiência pública no Congresso e realização do Encontro Nacional das Entidades Médicas (Enem)
Dia 9: Realização do Encontro Nacional das Entidades Médicas (Enem)
Dia 10: Encontro Nacional das Entidades Médicas (Enem)
Fonte : Fernanda Lisboa



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 2486 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade FENAM
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da FENAM




Enquete

Você é filiado ao seu sindicato?


Não
Sim
Opa, selecione uma op��o.









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)